• Imagem Carrinho Vazio Seu Carrinho Está Vazio

  • Botão Fan Page Facebook

O Catolicismo Ultramontano e a Conquista de Santa Maria (1870-1920)

Versão Impressa

Disponível: Em estoque

R$32,00

Descrição Rápida

A questão central deste livro é entender como Santa Maria se tornou uma cidadela católica, tendo em vista as resistências à Igreja, na segunda metade do século XIX.

Mais Imagens

Detalhes

Um pároco foi agredido, um bispo sofreu ameaças, um sacerdote fugiu da cidade e a paróquia chegou a ser interditada. Missas e sacramentos deixaram de ser procurados pela população e até um velho templo foi destruído, apesar dos protestos do clero. O que provocou tais acontecimentos? Como esse quadro foi revertido pela Igreja Católica? Sobre essa conquista que o livro trata, ou reconquista, pois Santa Maria é católica desde as suas origens. Conquista, então, de uma cidade que resistia às transformações que o catolicismo vivia no final do século XIX, evidenciadas na clericalização da Igreja e na subordinação das Irmandades à hierarquia eclesiástica. Resistência que terminou derrotada, devido à ação competente do clero. O foco temporal do trabalho são as décadas de 1870 a 1920, um período que comporta dificuldades e reveses para a Igreja, mas também, por fim, realizações e vitórias.

Tags do Produto

Use espaços para separar as tags. E aspas simples (') para frases.

Título O Catolicismo Ultramontano e a Conquista de Santa Maria (1870-1920)
Subtítulo Não
Autor(es) Vitor Biasoli
Editora/Selo Editora UFSM
Assunto Principal Religião, Igreja católica, ultramontanismo, imigração, colonização, Santa Maria (RS), história - 1870-1920
Assunto Secundário Não
Origem do Livro (Nacional/Importado) Nacional
Coleção Não
Número de Páginas 232 Pág.
Número da Edição
Ano da Edição 2010
ISBN 9788573911336
Código de Barras 9788573911336
Faixa Etária Graduação, pós graduação e outros.
Idioma Português
Número do Volume ou Tomo 1
Classificação Fiscal (ncm) 49019900

Prefácio

Introdução

 

Capítulo1

Ultramontanismo triunfante

1.1 A Revolução de 1789 e o pensamento ultramontano

1.2 O ultramontanismo no Brasil e a europeização

 

Capítulo 2

Servos da igreja na américa

2.1 Piedade e determinação

2.2 Os novos soldados de Cristo e a emigração

2.3 A imigração e a colonização

2.4 A colonização do Rio Grande do Sul

 

Capítulo 3

Enraizamento do ultramontanismo no rio grande do sul

3.1 A formação da sociedade rio-grandense e a religiosidade

3.2 A Igreja no Rio Grande do Sul

3.3 O ultramontanismo na Quarta Colônia

3.4 A consolidação da Missão palotina

3.5 A expansão palotina

 

Capítulo 4

Conquista de santa maria

4.1 O estado da religião

4.2 Época de mistificação

4.3 Depois da derrubada, o plantio

4.4 Guerra santa e ensurdecedora

4.5 Reação maçônica

4.6 Enfim a colheita

 

Conclusão

Fontes e bibliografia

Anexos

Relatórios do padre Caetano no Livro Tombo da paróquia N.S. da Conceição

Fotos